Notícias e Informativos

Vereadores e prefeito de Gonçalves em Belo Horizonte para audiência pública

  • Fonte: Assessoria de Comunicação
  • Publicado em: 23/05/2019
  • Assunto: Informativo

No dia 16 de maio, vereadores e também o prefeito de Gonçalves, estiveram na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), em Belo Horizonte, para participar de audiência pública sobre a prestação de serviço de transporte intermunicipal e interestadual pela Expresso Gardênia.

O evento, iniciativa da Comissão de Transporte da ALMG, a pedido do deputado estadual Dalmo Ribeiro Silva, teve como finalidade debater, principalmente, o estado de conservação da frota, a segurança e o conforto dos usuários da empresa no Sul de Minas.

A Expresso Gardênia acumula reclamações, denúncias, indicadores desfavoráveis e autuações. Foi a última colocada, entre 138 empresas, em pesquisa de satisfação junto aos usuários, realizada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), entre 2017 e 2018. Desde 2007, recebeu cerca de 900 autuações, segundo o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER). Em razão das centenas de denúncias, foi instaurado processo administrativo contra a empresa pela Superintendência de Transporte Metropolitano e Intermunicipal da Secretaria de Estado de Transporte e Obras Públicas de Minas Gerais.

Durante a audiência pública, o vereador de Gonçalves, Luciano Romão Leite, manifestou preocupação a respeito da transferência de veículos antigos e com estado de conservação precário para cidades menores e com poucas linhas em operação, também relatou incidente com veículo sem freio circulando na serra do município.

Ainda na ocasião, o vereador de Gonçalves, Júlio Cézar Ribeiro, reiterou as condições precárias dos veículos, em especial a preocupação com relação a falta de freios, situação frequentemente relatada, lembrou que os 55 anos de existência da empresa deveriam refletir em eficiência na solução dos problemas, questionou a atuação da empresa em caso de acidente fatal e apontou que, na ocasião do contrato, a empresa já tinha ciência de que cidades menores não representariam ganhos, mas que cidades maiores compensariam o déficit.

A empresa, de 1964, atua em 150 municípios, principalmente no Sul de Minas, operando em 100 linhas, com frota de cerca de 250 veículos e atendendo aproximadamente 6 milhões de passageiros por ano.

A Expresso Gardênia firmou acordo com o Poder Público Estadual com o compromisso de revisar o serviço prestado em 120 dias. O deputado estadual Dalmo Ribeiro Silva vai requerer, junto à Comissão de Transporte da ALMG, acompanhamento das ações da empresa nesse período.

Os vereadores da Câmara Municipal de Gonçalves presentes na audiência pública foram Adilson Cássio de Castro, Anderson José da Silva, Antônia Maria de Alvarenga, Júlio Cézar Ribeiro e Luciano Romão Leite. De Gonçalves, também esteve presente o prefeito Sr. Luiz Rosa da Silva. Os deputados da Comissão de Transporte presentes foram Léo Portela, Professor Irineu, Cleitinho Azevedo e Fernando Pacheco. Outros deputados que participaram do evento foram Antonio Carlos Arantes, Dalmo Ribeiro Silva, Guilherme da Cunha e Doutor Paulo. Estiveram presentes autoridades dos municípios de Caxambu, Monte Sião, Ouro Fino e Santa Rita. Também participaram membros da Expresso Gardênia, Superintendência de Transporte Metropolitano e Intermunicipal da Secretaria de Estado de Transporte e Obras Públicas de Minas Gerais, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros no Estado de Minas Gerais, Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais, Procon, Associação dos Municípios do Alto Rio Pardo e Associação dos Municípios da Microrregião do Circuito das Águas.